Afim ou a fim de, quando usar?

O professor Reinado Passadori explica as diferenças de significado e o jeito certo de empregar os termos "afim" e "a fim de"

* Respondido por Reinaldo Passadori, professor e CEO do Instituto Passadori

A nossa língua portuguesa reserva armadilhas intermináveis e muitas vezes a falta de atenção precede a gafe. Por isso, todo cuidado é pouco e todo estudo é válido. Logo abaixo, fique atento aos esclarecimentos de como empregar corretamente os termos: afim e a fim de.

Afim

Uma palavra que pode ser tanto um adjetivo quanto um substantivo. Sendo adjetivo, é sinônimo de semelhante, parecido, similar, análogo, próximo… Como substantivo é sinônimo de parente por afinidade, aliado, adepto, entre outras.
Exemplos:

O espanhol é uma língua afim com o português.

Nesta fase da vida, não temos objetivos afins.
Artigos de jardinagem e afins.

A fim de

Locução prepositiva é um conjunto de duas ou mais palavras em que a última é uma preposição. De modo que, a fim de exprime intenção ou finalidade, sendo sinônimo de para, com o propósito de, com a intenção de, entre outras. Abaixo alguns exemplos. São eles:

A filarmônica fez um grande ensaio a fim de fazer uma magnífica apresentação neste próximo sábado!

“Não precisamos realizar grandes obras a fim de mostrarmos um grande amor por
Deus e pelo próximo. É a intensidade do amor que colocamos em nossos
gestos que os torna algo especial para Deus e para os homens.” (Madre Tereza de Calcutá)

O caminho de um líder a fim de conquistar os seus objetivos, tem como base fundamental o respeito.

Reinaldo Passadori – Professor e CEO do Instituto Passadori, especialista em Desenvolvimento Humano e Comunicação Verbal. Conferencista requisitado em seu segmento no Brasil. É autor dos livros: “Comunicação Essencial – Estratégias Eficazes para Encantar seus Ouvintes” – “As 7 Dimensões da Comunicação Verbal”; “Media Training” – Comunicação Eficaz com a imprensa e a Sociedade – Editora Gente e “Quem não Comunica não lidera” – Editora Atlas.