Vale do Paraíba será uma região metropolitana

O governador Geraldo Alckmin assinou hoje a mensagem de encaminhamento à Assembleia Legislativa

São Paulo – O processo de transformação do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira em região metropolitana foi deflagrado oficialmente hoje, em ato realizado no Palácio dos Bandeirantes, quando o governador Geraldo Alckmin assinou a mensagem de encaminhamento à Assembleia Legislativa, do respectivo projeto de lei.

Ao ato compareceram prefeitos, deputados e outros políticos valeparaibanos, para prestigiar a iniciativa, que envolverá 39 municípios, numa extensão territorial que vai de Igaratá até Bananal, na divisa com o Rio de Janeiro. O projeto deve tramitar na Assembleia em regime de urgência, a pedido do próprio governador, que quer a mais nova região metropolitana do Estado implantada antes do final desse ano.

“Formando um quadrilátero entre as cidades de Santos, Campinas, São Paulo e São José dos Campos, temos ai dois terços da população do Estado” comentou o governador Geraldo Alckmin, sobre a chamada Macrometrópole Paulista, que concentra 80% do PIB do Estado, aproximadamente 27% do PIB do País. “Por isso a grande necessidade da institucionalização de mais essa Região Metropolitana”, definiu.

Segundo o secretário de Desenvolvimento Metropolitano, Edson Aparecido, a Região Metropolitana do Vale do Paraíba é um instrumento do Estado que permitirá o planejamento e a gestão de questões comuns que afetam as cidades da região, com políticas públicas em comum.

“A região passa a ter agora um planejamento integrado com todo o transporte intermunicipal, o que pode favorecer muito a população”, destacou.


O deputado estadual Padre Afonso Lobato (PV), presidente da Frente Parlamentar em Defesa do Vale do Paraíba, Litoral Norte e Serra da Mantiqueira, formada por parlamentares de vários partidos da região, destacou o esforço conjunto da bancada regional para a consolidação da proposta. “Os interesses pessoais foram deixados de lado e a força conjunta impulsionou a proposta”, disse.

O processo de criação da Região Metropolitana do Vale do Paraíba se arrasta desde 2001, quando foi apresentada o primeiro projeto de lei, de autoria do então deputado estadual Carlinhos Almeida (PT), de São José dos Campos. No ano passado, quando assumiu o governo, Alberto Goldman deu os primeiros sinais de que o projeto seria possível, o que detonou um processo de mobilização da região em torno do tema.