USP teve prejuízo de R$ 2,4 mi com ocupação de alunos

O balanço indica que houve furtos e danos a equipamentos de informática, portas e paredes

São Paulo – A ocupação por alunos do prédio da reitoria da Universidade de São Paulo (USP) entre os dias 1.º de outubro e 12 de novembro provocou prejuízos de R$ 2,4 milhões, segundo a instituição.

O grupo reivindicava eleições diretas para reitor.

A universidade entrará na Justiça com um pedido de reparação contra o Diretório Central dos Estudantes, além do Sindicato dos Trabalhadores e da Associação de Docentes.

O balanço indica que houve furtos e danos a equipamentos de informática, portas e paredes.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.