Uma a cada três mulheres com câncer tem tumor de mama

No Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), a neoplasia da mama corresponde a 22% dos novos casos de tumores por ano

São Paulo – Levantamento realizado pelo Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp) e divulgado no portal da Secretaria de Estado da Saúde aponta que 52% dos pacientes do instituto são do sexo feminino.

Dessas mulheres, 28% (quase uma a cada três) têm diagnóstico de câncer de mama e quase 22% apresentam tumores em órgãos digestivos.

No Brasil, segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), a neoplasia da mama corresponde a 22% dos novos casos de tumores por ano.

No Icesp, o grupo de Mastologia realiza mais de 1,2 mil atendimentos por mês, entre consultas médicas e cirurgias. 

Os cânceres do aparelho digestivo representam juntos uma grande fração dos tumores humanos. São exemplos de neoplasias apresentadas nessa região: o câncer de esôfago, de estômago, de fígado e o colorretal (cólon e reto), este o último apontado entre os cinco mais comuns entre as mulheres.

Exames de rotina e diagnóstico precoce continuam sendo os principais aliados na prevenção da doença, destaca o portal exames de rotina e diagnóstico precoce continuam sendo os principais aliados.

“Quando a prevenção primária não é possível, o diagnóstico precoce é fundamental na busca pela cura e por uma boa qualidade de vida”, afirmou o oncologista e diretor geral do Icesp, Paulo Hoff.