TSE muda horário de sessão de julgamento da chapa Dilma-Temer

Sessão de quarta-feira será no período da manhã; demais sessões continuam no mesmo horário

Foi antecipada para as 9h de quarta-feira (7) a segunda sessão marcada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para o julgamento da ação que pede a cassação da chapa que reelegeu Dilma Rousseff e Michel Temer  em 2014.

As demais sessões continuam no mesmo horário: na terça, às 19h, e quinta-feira, às 9h e 19h.  Das quatro sessões definidas, duas serão extraordinárias (quarta, pela manhã, e quinta-feira à noite).

A mudança do horário da sessão de quarta-feira foi feita pela Presidência do TSE a pedido do corregedor-geral da Justiça Eleitoral e relator da ação, ministro Herman Benjamin.

Como vai ser o julgamento? 

Leitura: O relator do processo, o ministro Herman Benjamin, faz a leitura do relatório com um resumo de todas as etapas do processo contra Dilma e Temer.

Acusação e defesa: Advogados de acusação, defesa e o representante do Ministério Público Eleitoral têm a palavra. Cada um terá 15 minutos para falar.

Votação: O relator e os demais ministros apresentam seu voto.

Veja também