Tornado no RS deixa dois mortos e causa prejuízos em 20 cidades

Regiões mais atingidas por temporal na madrugada desta terça foram o Vale do Caí, Serra, Centro e Norte do estado, segundo a Defesa Civil

Porto Alegre – O temporal com fortes ventos que voltou a atingir cidades gaúchas na madrugada desta terça-feira, 12, foi classificado como tornado de categoria F3 – a escala Fujita vai até F5 -, segundo a MetSul Meteorologia. Duas pessoas morreram e centenas de residências foram destelhadas pela força do fenômeno. As regiões mais atingidas, segundo a Defesa Civil do Estado, foram o Vale do Caí, Serra, Centro e Norte do Rio Grande do Sul.

No município de Ciríaco, localizado a 280 km de Porto Alegre, um homem de 54 anos, identificado como José Alves Nunes, morreu após sua casa de madeira desabar devido aos fortes ventos. Na cidade de Sarandi, região norte do Estado, uma idosa de 69 anos morreu também devido ao desabamento de sua residência.

Devido à força dos ventos, caminhões que circulavam na rodovia entre os municípios de Coxilha e Tapejara foram arremessados da pista. Na pequena cidade de Água Santa, a 320 km ao norte de Porto Alegre, o tornado destruiu ao menos dez aviários, causando a morte de mais de 220 mil frangos.

Dados da Defesa Civil do RS contabilizam 21 municípios afetados pelos temporais e 984 casas atingidas desde domingo, 10, em todo o Estado. Na cidade de Tupanciretã, na região central, o vendaval com chuva de granizo ocorrido por volta das 5h desta manhã destelhou cerca de 400 residências e as aulas da rede municipal tiveram de ser canceladas. Conforme os Bombeiros, a chuva de granizo durou cerca de cinco minutos, tempo suficiente para fazer estragos em telhados, automóveis e em alguns prédios públicos.

No município de Santa Rosa, ao Norte do Estado, ao menos 50 residências tiveram seus telhados danificados. Durante a manhã desta terça, a Defesa Civil havia distribuído cerca de 2 mil metros de lonas para a população atingida. Telhas e agasalhos para o frio também foram entregues aos moradores.

Comentários
Deixe um comentário

Olá, ( log out )

* A Abril não detém qualquer responsabilidade sobre os comentários postados abaixo, sendo certo que tais comentários não representam a opinião da Abril. Referidos comentários são de integral e exclusiva responsabilidade dos usuários que escreveram os respectivos comentários.

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s