Temer telefona a Dilma para dar parabéns

Aniversário de 68 anos de Dilma: o relacionamento entre Dilma e Temer está estremecido desde a abertura do processo de impeachment

Brasília – O vice-presidente Michel Temer telefonou na manhã desta segunda-feira para dar os parabéns à presidente Dilma Rousseff, que completa 68 anos. O relacionamento entre os dois está estremecido desde a abertura do processo de impeachment, no último dia 2.

Na semana passada, depois de Temer enviar uma carta à petista dizendo que ela nunca havia confiado nele e em seu partido, os dois tiveram uma reunião para ajustar o discurso. Saíram do encontro dizendo que iriam manter uma relação “institucional”.

Dilma esperava um apoio público do vice, mas o peemedebista se recolheu e aumentou a desconfiança de que estaria trabalhando para se cacifar para o posto.

A semana é tida como crucial pelo governo, já que na quarta-feira, 16, está previsto o julgamento do Supremo Tribunal Federal (STF) que deve definir o rito do impeachment.

A presidente deve manter uma agenda normal durante o dia do seu aniversário. Pela manhã, ela comandou uma reunião da coordenação política no Palácio da Alvorada. À tarde, tem um encontro com prefeitos. Auxiliares palacianos dizem não saber se haverá alguma comemoração.