Temer criará órgão para combater violência contra mulher

Temer fez o anúncio na abertura de encontro do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, com secretários de Segurança Pública

Brasília – O presidente interino Michel Temer afirmou nesta terça-feira que o país vive uma onda crescente de violência, em especial contra as mulheres, e anunciou a criação de novo órgão do governo para coordenar os trabalhos de combate à violência contra a mulher.

Temer fez o anúncio na abertura de encontro do ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, com secretários de Segurança Pública dos Estados, convocado após a enorme repercussão de um caso de estupro coletivo de uma jovem no Rio de Janeiro.

De acordo com Moraes, o novo órgão encarregado de coordenar os trabalhos de combate à violência contra a mulher será o Núcleo de Proteção à Mulher, ligado diretamente ao ministro da Justiça.