Sérgio Moro não é mais professor na UFPR

A vaga do juiz como docente na universidade agora está aberta

São Paulo – O juiz federal Sérgio Moro não é mais professor na Universidade Federal do Paraná. A exoneração do magistrado foi publicada na quinta-feira (15) no Diário Oficial da União.

Segundo a portaria, a exoneração foi concedida a pedido dele mesmo. A vaga foi declarada aberta.

Moro lecionava no Departamento de Direito Penal e Processual Penal do Setor de Ciências Jurídicas. Segundo o G1, ele já estava licenciado do cargo desde 2016, por causa de sua atuação na operação Lava Jato.

De acordo com a coluna Radar, de VEJA, o juiz tem dito que pretende encerrar sua participação na Lava Jato ainda neste ano. Ele poderia aceitar um convite para estudar em alguma universidade americana em 2019.

Moro se formou em Direito em Maringá (PR), e se tornou juiz em 1996. Completou sua formação na respeitada universidade de Harvard, nos Estados Unidos.

Ele é estudioso da operação “Mãos Limpas”, que desarticulou uma complexa rede de corrupção que dominava a Itália nos anos 1990, e na qual se inspirou para a condução da operação Lava Jato.