Senado elege Mesa Diretora e Flávio Bolsonaro fica com a 3ª secretaria

Chapa única foi aprovada com 72 votos favoráveis, 2 contrários e 3 abstenções; Anastasia ficou com a vice-presidência

Brasília – O Senado elegeu nesta quarta-feira os integrantes para a sua Mesa Diretora. A chapa única, definida após um acordo fechado entre partidos, foi eleita com 72 votos favoráveis, 2 contrários e 3 abstenções. A votação foi feita de forma secreta.

O senador Antonio Anastasia (PSDB-MG) ficou com a 1ª vice-presidência e o senador Lasier Martins (PODE-MG), com a 2ª vice-presidência.

A primeira-secretaria ficou com o PSD, que sugeriu o nome de Sergio Petecão (PSD-AC); a segunda será de incumbência do MDB, que apresentou o senador Eduardo Gomes (MDB-TO); a terceira-secretaria será do PSL, que indicou Flávio Bolsonaro (PSL-RJ); a Quarta-Secretaria será do PP, que indicou o senador Luiz Carlos Heinze (PP-RS).

Veja também

Os senadores Marcos do Val (PPS-ES), Weverton Rocha (PDT-MA), Jaques Wagner (PT-BA) e Leila Barros (PSB-DF) foram eleitos para as suplências dos cargos da mesa.

Ao final da eleição, o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, agradeceu aos líderes partidários pela realização do acordo e afirmou que já há entendimento também para a maioria das indicações para os comandos das comissões temáticas da Casa. Elas serão formalizadas na próxima terça-feira, 12.

Não participaram da eleição de hoje os senadores Renan Calheiros (MDB-AL), Fernando Collor (Pros-AL), Jader Barbalho (MDB-PA) e Rogério Carvalho (PT-SE).