Quando apontado como candidato de Lula, Haddad lidera pesquisa em PE

O ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad lidera a intenção de voto no estado quando é citado como indicação do ex-presidente Lula

São Paulo – Pesquisa do Datamétrica, empresa de pesquisas de opinião e de mercado de Recife, mostra que o apoio de um candidato à presidência pelo ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva tem poder de mudar o resultado da eleição no Pernambuco.

De acordo com o levantamento, realizado entre os dias 11 e 12 de julho e divulgado pelo Diário de Pernambuco nesta quarta-feira, quando o ex-prefeito de São Paulo Fernando Haddad (PT) aparece como pré-candidato apoiado por Lula, ele lidera a intenção de voto do eleitorado pernambucano com 16%.

Marina Silva (Rede) aparece em segundo com 12%, seguida por Jair Bolsonaro (PSL) (11%), Ciro Gomes (PDT) (6%) e Geraldo Alckmin (PSDB) (2%).

Já em um segundo cenário, sem informar o apoio de Lula a Haddad, quem lidera a disputa é a ex-senadora Marina Silva, com 14%, seguida por Bolsonaro (12%), Ciro (7%), Haddad, Alckmin e Álvaro Dias, os três com 2%.

Considerando a possibilidade de o ex-presidente disputar as eleições, o resultado é de lavada: Lula tem a preferência de 65% dos pernambucanos. Na sequência, aparece Bolsonaro (9%), Ciro (4%), Marina (3%) e o restante dos pré-candidatos com menos de 1%.

Veja o desempenho dos pré-candidatos no Pernambuco

Cenário com Lula

Lula – 65%

Jair Bolsonaro – 9%

Ciro Gomes – 4%

Marina silva – 3%

Geraldo Alckmin – 1%

Manuela D’Ávila – 1%

Fernando Collor – 1%

Branco/nulo/ninguém – 11%

Não sabe/indeciso – 4%

Não respondeu – 1%

Cenário com Haddad sem apoio de Lula

Marina Silva – 14%

Jair Bolsonaro – 12%

Ciro Gomes – 7%

Fernando Collor – 2%

Fernando Haddad – 2%

Geraldo Alckmin – 2%

Álvaro Dias – 2%

Rodrigo Maia – 1%

Flávio Rocha – 1%

Manuela D’Ávila – 1%

Branco/nulo/ninguém – 44%

Não sabe/indeciso – 12%

Não respondeu – 1%

Cenário com Haddad apoiado por Lula

Fernando Haddad – 16%

Marina Silva – 12%

Jair Bolsonaro – 11%

Ciro Gomes – 6%

Geraldo Alckmin – 2%

Fernando Collor – 2%

Álvaro Dias – 1%

Manuela D’Ávila – 1%

Rodrigo Maia – 1%

Branco/nulo/ninguém – 37%

Não sabe/indeciso – 9%

Não respondeu – 1%