Seis municípios de SC são alvo de ataques desde quinta-feira

Em São Bento do Sul, região norte, ocorreu o primeiro atentado desde que teve início esta onda de violência no estado

Florianópolis – Seis municípios foram alvo de ataques criminosos entre a noite de ontem (7) e madrugada de hoje (8) em Santa Catarina. Em São Bento do Sul, região norte, ocorreu o primeiro atentado desde que teve início esta onda de violência no estado, no último dia 30. Um caminhão foi incendiado na cidade. Não houve vítimas em nenhuma das ocorrências, de acordo com a Polícia Militar (PM).

Até agora são 80 ataques em 25 municípios. A ocorrência mais frequente é a de incêndios de ônibus, com 32 registros. Joinville e Florianópolis lideram em número de atentados, com 11 e 15, respectivamente.

Por volta da meia-noite, um caminhão foi incendiado no bairro Centenário, em São Bento do Sul. O proprietário do veículo, com a ajuda de vizinhos, controlou o fogo antes que as chamas atingissem o tanque de combustível.

Na região metropolitana de Florianópolis, na cidade de São José, quatro adolescentes pararam um ônibus e, armados, ordenaram que motorista e cobrador descessem. Eles jogaram um líquido inflamável no veículo e atearam fogo. No dia 6, o município já havia sido alvo de ataque a ônibus de transporte coletivo.

Com a ajuda de moradores, as chamas foram contidas e o ônibus foi danificado apenas parcialmente. Uma das pessoas que ajudaram a controlar o fogo foi o comerciante Valdir Arteio, 46 anos, dono de uma loja de ração em frente ao ponto de ônibus onde o veículo foi atacado. “O fogo podia ter chegado até aqui. Dei a água que tinha aqui para ajudar a apagar. Todo mundo ajudou”, relatou.


Por volta das 9h30 de hoje, a cabeleireira Cindy Dário, 24 anos, aguardava na mesma parada de ônibus onde um veículo foi queimado ontem. “Moro aqui perto. A gente que pega ônibus sempre fica um pouco assustada. Achei até que demorou para acontecer aqui. São tantos ataques”, relatou.

Ela acredita que, apesar das ocorrências, a rotina do bairro continua a mesma. “Não mudou muita coisa. As pessoas fazem o que já faziam antes”, avalia.

No município de Navegantes, também no norte do estado, foi registrado o quarto ataque em dias seguidos. Desta vez, por volta das 23h, dois veículos particulares que estavam abandonados na rua, em frente a um ferro-velho que está sendo desativado, foram incendiados, segundo informações da polícia. O incêndio foi controlado com extintores pelos moradores do entorno.

Chapecó, no oeste do estado, também sofreu ataques durante a madrugada. O município tem sido foco de atentados nos últimos dias, com quatro seguidos. Por volta da 1h, cinco adolescentes atearam fogo a um veículo particular.

Na região sul, os alvos foram os municípios de Tubarão e Palhoça. No centro do município de Tubarão, por volta das 4h, um veículo particular, que estava estacionado na garagem de uma casa, foi incendiado. Em Palhoça, às 5h da manhã, um homem jogou um coquetel molotov em um estabelecimento comercial.