Russomanno nega que foi ignorado por eleitora

Candidato do PRB diz que não viu mulher que recusou-se a cumprimentá-lo durante a votação

São Paulo – O candidato do PRB à Prefeitura de São Paulo, Celso Russomanno, disse há pouco, ao chegar ao seu escritório político, no Planalto Paulista, na região centro-sul da capital paulista, que sequer viu uma mulher que recusou-se a cumprimentá-lo durante a votação na manhã de hoje. “Eu não vi. Então você viu demais”, disse, ao ser indagado pelos repórteres sobre o ocorrido.

O questionamento deve-se ao fato de uma mulher – que não estava identificada como mesária – não ter estendido a mão ao candidato enquanto ele cumprimentava eleitores na entrada do Colégio Santo Américo, na Vila Sônia, na zona sul de São Paulo. A seguir, Russomanno cumprimentou mesários que prestam informações para eleitores à entrada do colégio, acompanhou a esposa na seção em que ela vota e depois foi à sua própria seção para votar, onde também cumprimentou todos os mesários e foi correspondido.

Antes, Russomanno levou o pai Ubirajara Celso Russomanno para votar em uma escola no bairro da Saúde. O candidato do PRB afirmou que permanecerá no escritório político até o início da apuração, e que deverá seguir ainda neste domingo para comitê central na Avenida 9 de Julho, na região central da cidade. (Gustavo Porto)