Ronaldinho Gaúcho vai se candidatar ao Senado, diz jornal

Segundo Lauro Jardim, de O Globo, jogador sairá pelo mesmo partido de Jair Bolsonaro

São Paulo – O jogador de futebol Ronaldinho Gaúcho vai disputar uma vaga no Senado pelo mesmo partido de Jair Bolsonaro, o PEN (que vai mudar de nome para Patriota).

Segundo a coluna de Lauro Jardim no jornal O Globo, ele deve oficializar sua candidatura por Minas Gerais em março do ano que vem, quando o deputado Jair Bolsonaro também deve oficializar a sua.

Ainda de acordo com o jornal, o suplente da chapa será o ex-jogador Somália, que já jogou no América Mineiro e no Fluminense.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Papagaio racista, fascista, machista, homofóbista

    Partido político mais polêmico ?
    As revistas hoje em dia são as mais polêmicas e nojentas !

  2. JCardoso Cardoso

    Política circense vergonhosa. Mas Ronaldinho está fazendo a escolha certa. Afinal, lugar de palhaço é no circo. E o Congresso é um autêntico circo.
    Triste país incorrigível e repleto de nulidades políticas. Aliás, a vida política é o ambiente dos incompetentes, dos oportunistas e dos salafrários.
    Quando a cultura é abandonada, Romário, Tiririca, Ronaldinho e outros mentecaptos encontram facilidade para ingressar na política. Culpa: dos partidos políticos irresponsáveis, que não selecionam melhor seus candidatos, bem como dos medíocres eleitores, que votam em qualquer um.
    Pois bem, por isso a nossa política é uma piada e é ridicularizada em botecos, com muita razão, visto que as leis da República estão sendo votadas por Romário, Tiririca e possivelmente por Ronaldinho. Sem esquecer de que o “intelectual” Lula já foi presidente da República e teima, mesmo encalacrado em denúncia e condenação, voltar ao poder.