Rodízio é suspenso em São Paulo em dia de greve geral

Não haverá rodízio na capital, nem cobrança de zona azul durante a greve; carros poderão circular nos corredores de ônibus

São Paulo – A CET suspendeu o rodízio de veículos e a cobrança de zona azul nesta sexta, devido à greve geral que paralisou quase todos os serviços de transporte público em São Paulo.

Os corredores de ônibus estão liberados para o tráfego de táxis, com ou sem passageiros, ônibus fretados, ônibus escolares e carros com um ou mais passageiros. Os carros também vão poder circular nas faixas exclusivas para ônibus.

Veja toda as medidas anunciadas pela CET:

– Rodízio Municipal de Veículos será suspenso durante todo o dia para os carros. Restrições a caminhões continuam valendo normalmente;

– Corredores exclusivos de ônibus serão liberados para a circulação de táxis, com ou sem passageiros, ônibus fretados, ônibus escolares e carros de passeio com um ou mais passageiros, durante todo o dia;

– Faixas exclusivas de ônibus serão liberadas para carros durante todo o dia;

– Estacionamento em vagas de Zona Azul está liberado durante todo o dia;

– As faixas reversíveis do período da manhã serão mantidas até as 10h. São elas: Ponte das Bandeiras, Ponte dos Remédios, Radial Leste, Conselheiro Carrão, Ponte do Limão, Ponte da Casa Verde, Ponte João Dias e Ponte do Piqueri e Ponte Jurubatuba.

– No período da tarde, as faixas reversíveis irão seguir a operação normal.