Rio: juíza de São Gonçalo é assassinada a tiros na porta de casa

A magistrada era responsável por julgar crimes de homicídio na cidade

Rio de Janeiro – A juíza Patrícia Lourival Acioli, da 4ª Vara Criminal de São Gonçalo, foi assassinada na noite de ontem (12). Segundo a Polícia Militar, a magistrada estava dentro do carro, na porta de sua casa, quando homens armados passaram e atiraram várias vezes contra ela, em Niterói, no Grande Rio.

A magistrada era responsável por julgar crimes de homicídio em São Gonçalo, segundo município mais populoso do estado do Rio, e conhecida por sua atuação contra a violência cometida por policiais militares da região.