PT fará o possível para deixar votação para o fim do dia

A estratégia do partido é atrasar o horário de votação para o momento em que as transmissões televisivas tenham mais audiência

Brasília – O líder do PT na Câmara dos Deputados, Carlos Zarattini (SP), afirmou que seu partido vai fazer o possível para garantir que a votação da denúncia contra o presidente Michel Temer ocorra no fim do dia, próxima ao horário nobre.

A estratégia dos petistas é atrasar o horário de votação para o momento em que as transmissões televisivas tenham mais audiência.

Na avaliação do partido, quanto mais expectadores, maior será a pressão sobre os deputados da base do governo.

O PT se reúne neste momento, na Câmara, para fechar uma posição única para a votação da denúncia.

A reunião da bancada do partido na Câmara está sendo feita com a presença da presidente do partido, senadora Gleisi Hoffmann (PR), além dos senadores Humberto Costa (PE) e Lindbergh Farias (RJ).