PT conversa com Manuela D’Ávila e quer negociar com PROS e PSB

Uma conversa sobre escolha de vice em chapa do ex-presidente Lula, preso e condenado na Lava Jato, ficará para mais tarde, afirmou dirigente

São Paulo – Na busca por alianças eleitorais para as eleições 2018, o PT faz novos movimentos nesta semana em direção ao PCdoB, PROS e PSB.

Nesta segunda-feira, 23, o vice-presidente nacional do PT, Márcio Macedo, conversou em Aracaju com a pré-candidata do PCdoB à Presidência da República, Manuela D’Ávila, e fez novo apelo para uma composição.

“Conversamos sobre a importância de termos uma ação conjunta, se a gente consegue construir a unidade. Nós respeitamos a candidatura do PCdoB, vamos aguardar”, disse Macedo ao Estadão/Broadcast. Uma conversa sobre a escolha de vice em uma chapa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preso e condenado na Operação Lava Jato, ficará para mais tarde, afirmou o dirigente.

Na terça-feira, 24, integrantes da Executiva Nacional devem se reunir com o presidente nacional do PROS, Euripedes Junior, em Brasília, para uma nova rodada de negociação.

Até quinta-feira, 26, os petistas querem realizar um novo encontro com o presidente do PSB, Carlos Siqueira, e insistir em uma aliança com a legenda, que considera apoiar o presidenciável do PDT, Ciro Gomes.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Roberto Neves Almeida

    Vou dar uma dica de graça ao PT: vcs tem o melhor candidato com credibilidade inclusive junto ao mercado, o Senador Paulo Paim, um verdadeiro Obama brasileiro.