PM é responsável por 26% dos assassinatos em SP

72% das vítimas de confrontos com a polícia são negras ou pardas

A violência policial foi a responsável por 26% dos assassinatos na cidade de São Paulo no ano passado. Foram 412 mortes cometidas por policiais, dos 1.591 assassinatos registrados na capital paulista.

O levantamento foi feito pelo SPTV, da Rede Globo.

As mortes classificadas como confronto entre suspeitos e PMs fora do horário de trabalho aumentaram 61%. Os dados incluem apenas mortes em supostos confrontos.

Ainda de acordo com a matéria do SPTV, 72% das vítimas de confrontos com a polícia são negras ou pardas.

Em todos esses casos, as mortes não entram nas estatísticas como homicídio, já que é alegada reação ou legítima defesa dos PMs.