Planos de saúde: insatisfação

A insatisfação com os planos de saúde é generalizada: se pudessem, 73% dos usuários trocariam de operadora em busca de menores preços e melhor qualidade do serviço. Uma pesquisa da CVA Solutions ouviu mais de 7.000 usuários em todo o Brasil e constatou que o custo-benefício dos planos é apenas o 39º mais bem avaliado, numa lista com 45 áreas. Os planos privados estão na frente de empresas de cartão de crédito, TV por assinatura e telefonia. Segundo a Agência Nacional de Saúde Suplementar, nais de 10 milhões de pessoas aderiram a algum plano de saúde na última década e o setor abrange hoje um quarto da população brasileira, embora o número de usuários venha caindo desde 2014, com o avanço da crise.