PF faz buscas em empresas ligadas à Petrobras no RJ

Todos os mandados de busca da Polícia Federal envolvem pessoas de empresas ligadas ao ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa

Brasília – A Polícia Federal está cumprindo nesta sexta-feira, 22, no âmbito da Operação Lava Jato, 11 mandados de busca e apreensão, além de um mandado de condução coercitiva, em sua sexta fase de diligências ostensivas. 

Todos os mandados estão sendo cumpridos no Rio de Janeiro. O jornal O Estado de S. Paulo apurou que todos os mandados envolvem pessoas de empresas ligadas ao ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da estatal.

As medidas foram requeridas ao juízo da 13ª Vara Federal de Curitiba (PR) pelos integrantes da Força Tarefa do Ministério Público Federal, em trabalho conjunto com a Polícia Federal, e abrange o núcleo de empresas vinculadas a Paulo Roberto Costa e seus familiares. A condução coercitiva é de um sócio do genro de Paulo Roberto, apurou a reportagem.

A operação Lava Jato desarticulou uma quadrilha comandada por doleiros, entre eles Alberto Youssef, e o ex-diretor da Petrobras.

O esquema é acusado de realizar lavagem de dinheiro e corromper serviços públicos, entre outros problemas.

Os mandados que estão sendo cumpridos hoje são para apurar suspeitas de envolvimento do grupo criminoso com contratos da Petrobras.