Pesquisa afirma repúdio brasileiro ao governo PT, diz Aécio

Senador do PSDB se manifestou sobre a pesquisa CNT/MDA que mostrou nova queda de popularidade da presidente Dilma

São Paulo – O senador Aécio Neves (MG), presidente nacional do PSDB, se manifestou nesta terça-feira, 21, sobre a pesquisa CNT/MDA que mostrou nova queda de popularidade da presidente Dilma Rousseff.

“A pesquisa CNT/MDA é mais uma a confirmar o repúdio dos brasileiros ao governo do PT“, disse o senador através de seu perfil no Facebook.

Na postagem, Aécio, que foi derrotado na disputa contra a petista no ano passado, diz que a desaprovação da presidente cresce porque “a população toma conhecimento dos desdobramentos dos inúmeros casos de corrupção que contaminaram a máquina pública federal”.

O tucano também aponta que os efeitos da crise econômica, “em muito resultado das ações e omissões do governo”, já chegam às famílias brasileiras.

“Os brasileiros estão cada vez mais indignados com o estelionato eleitoral do que foram vítimas”, diz a postagem.

O levantamento CNT/MDA divulgado nesta terça-feira mostra que a avaliação negativa do governo Dilma chegou a 70,9%, ante 64,8% na pesquisa anterior.

O governo da petista é avaliado positivamente por 7,7% dos entrevistados, ante 10,8% do último levantamento.

Aécio também comemorou o posicionamento de tucanos, à frente do ex-presidente Lula em uma hipotética disputa eleitoral.

“O fato de nomes do partido serem bem aceitos pela população reforça a nossa certeza de que estamos no caminho certo, defendendo os interesses dos brasileiros e buscando alternativas para tirar o país da crise ética, econômica e social a que nos levou o governo do PT.”

A pesquisa mostrou que, em cenários de segundo turno de uma possível eleição presidencial, Aécio venceria Lula por 49,5% a 28,5%.

O governador paulista Geraldo Alckmin venceria Lula hoje por 39,9% a 32,3% e o senador José Serra (SP) ganharia do petista por 40,3% a 31,8%.