Paulo Roberto Costa chega a Curitiba para depor

É 1ª vez que ele fala formalmente ao juiz federal Sérgio Moro no processo em que é réu por desvios e lavagem de dinheiro nas obras da Refinaria Abreu e Lima

Curitiba – O ex-diretor da Petrobras Paulo Roberto Costa chegou às 13h05 na Justiça Federal em Curitiba (PR) para depor nos autos da Operação Lava Jato.

Ele chegou ao estado em um voo comercial escoltado por policiais federais.

É a primeira vez que Costa fala formalmente ao juiz federal Sérgio Moro no processo em que é réu por desvios e lavagem de dinheiro nas obras da Refinaria Abreu e Lima.

São ao todo dez denunciados na ação penal. Na ação, o doleiro Alberto Youssef também é réu. Ele chegou às 13h em um carro da PF.

Na sede da Justiça Federal, Costa chegou escoltado e com os vidros fechados. Os demais réus no processo também acompanham a audiência que deve seguir até a noite.

Costa será questionado pelos advogados dos demais réus, pelos procuradores e pelo magistrado.

O juiz Sergio Moro comunicou em despacho nesta quarta-feira que depois da audiência de hoje de Costa vai decidir sobre o novo pedido de acesso à delação feito pela Petrobrás.