Os estados que subiram e caíram no ranking da ONU

Estados do norte do país pularam posições e ascenderam consideravelmente no ranking de desenvolvimento das Nações Unidas. Confira tabela

São Paulo – Tocantins e Amazonas são os estados brasileiros cujas cidades tiveram os maiores avanços em termos sociais, segundo ranking da Organização das Nações Unidas (ONU) realizado em parceria com o Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) e a Fundação João Pinheiro. De 2000 para 2010, os dois estados, apesar de não estarem entre os dez primeiros, subiram quatro posições no ranking nacional.

Os quatro melhores colocados se mantiveram nas mesmas posições ao longo destes dez anos, com o Distrito Federal liderando o ranking, seguido por São Paulo, Santa Catarina e Rio de Janeiro. Outras regiões do Brasil não se mantiveram no topo, o estado do Pará, por exemplo, apresentou a maior queda: de 19º para 24º lugar.

Apesar da piora do Pará, quem permanece na lanterna é Alagoas.

Para montar o ranking, a ONU leva em consideração índices nas áreas de educação, renda e expectativa de vida. Confira na tabela abaixo como se saíram os estados brasileiros em 2010, comparado a 2000:

Estado Posição em 2010 Posição em 2000 Alteração
Tocantins 14 18 subiu 4 posições
Amazonas 18 22 subiu 4 posições
Rondônia 15 17 subiu 2 posições
Paraná 5 6 subiu 1 posição
Goiás 8 9 subiu 1 posição
Amapá 12 13 subiu 1 posição
Bahia 22 23 subiu 1 posição
Paraíba 23 24 subiu 1 posição
Distrito Federal 1 1 igual
São Paulo 2 2 igual
Santa Catarina 3 3 igual
Rio de Janeiro 4 4 igual
Espírito Santo 7 7 igual
Mato Grosso do Sul 10 10 igual
Mato Grosso 11 11 igual
Sergipe 20 20 igual
Acre 21 21 igual
Piauí 25 25 igual
Maranhão 26 26 igual
Alagoas 27 27 igual
Rio Grande do Sul 6 5 caiu 1 posição
Minas Gerais 9 8 caiu 1 posição
Roraima 13 12 caiu 1 posição
Ceará 17 16 caiu 1 posição
Rio Grande do Norte 16 14 caiu 2 posições
Pernambuco 19 15 caiu 4 posições
Pará 24 19 caiu 5 posições