Operação cumpre mandados contra 37 integrantes do PCC em SP

Segundo a polícia, a operação Transponder foi desencadeada a partir de bilhetes apreendidos na região de Presidente Prudente, no oeste paulista

Sorocaba – Uma operação da Polícia Civil cumpria 37 mandados de prisão, na manhã desta quinta-feira, 24, contra integrantes da facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC) em São Paulo e outras vinte cidades do interior e litoral do Estado. Eram cumpridos também 59 mandados de busca e apreensão concedidos pela Justiça.

Segundo a polícia, a operação Transponder foi desencadeada a partir de bilhetes apreendidos na região de Presidente Prudente, no oeste paulista, em que foram identificadas ordens para ações criminosas repassadas do interior da Penitenciária Ozias Lúcio dos Santos, no município de Pacaembu, para serem cumpridas por membros do PCC que estão nas ruas.

Líderes da facção nessa penitenciária se comunicavam com outros presos em penitenciárias de Junqueirópolis e Martinópolis.

Dos mandados de prisão, 14 foram dirigidos a criminosos já presos. As investigações, que duraram três meses, apontaram que o grupo investigado é responsável pela negociação de carregamentos de drogas no Paraguai, controle da distribuição e do tráfico em cidades brasileiras e toda a movimentação financeira decorrente desse crime em São Paulo e outros Estados.

Só em Presidente Prudente foram cumpridos 11 mandados de prisão e 15 de busca e apreensão. Na capital paulista, a polícia cumpria seis mandados e prisão e nove de buscas. As contas bancárias dos 47 integrantes do PCC serão bloqueadas. A operação mobilizou 250 policiais.