Ônibus depredados por manifestantes no Parque Dom Pedro II

Os ativistas pedem que o preço da tarifa de ônibus na capital paulista seja gratuita

São Paulo – Parte dos manifestantes que participavam da passeata pelo passe livre em São Paulo forçaram a entrada no Parque Dom Pedro II e, após conseguirem abrir os portões do local, começaram a depredar ônibus e bilheterias.

Eles tentaram colocar fogo em um ônibus dentro do terminal. Não houve, até o momento, reação por parte da polícia. Caixas eletrônicos também foram danificados.

Cerca de 3 mil manifestantes e militantes do Movimento Passe Livre, segundo a Polícia Militar, estão na passeata. Os ativistas pedem que o preço da tarifa de ônibus na capital paulista seja gratuita.

A passeata teve início pacificamente no Theatro Municipal, passou por ruas do centro antigo da cidade, desceu para a Avenida Tiradentes e agora segue em direção da Sé.

A manifestação de hoje (25) faz parte da Semana Nacional de Luta pelo Transporte Público promovida pelo MPL.