Número de mortos em acidentes de trânsito sobe 24% em 8 anos

O Brasil é o quinto país com mais vítimas no trânsito, atrás apenas de Índia, China, Estados Unidos e Rússia.

Rio de Janeiro – O número de mortos em acidentes de trânsito no Brasil subiu 24% nos últimos oito anos, de 32.753 registrados em 2002 para 40.160 em 2010, segundo um estudo divulgado nesta sexta-feira pelo Ministério da Saúde.

‘Os números revelam que o país vive uma verdadeira epidemia de lesões e mortes no trânsito’, afirmou o ministro da Saúde, Alexandre Padilha, no comunicado.

De acordo com o ministro, o Brasil é o quinto país com mais vítimas no trânsito, atrás apenas de Índia, China, Estados Unidos e Rússia.

O estudo cita como causas do crescimento das mortes tanto o consumo de álcool como o aumento do número de motocicletas.

O relatório foi divulgado um dia após o Supremo Tribunal Federal (STF) considerar um crime dirigir alcoolizado, mesmo que nenhum crime seja provocado.

‘Este é um grande avanço e certamente vai contribuir para a redução das tristes estatísticas no trânsito’, segundo Padilha.

Um quarto das mortes em acidentes no ano passado envolveu uma moto. Enquanto o número de vítimas por acidentes aumentou em 24% em oito anos, o provocado por motos triplicou no mesmo período, passando de 3.744 em 2002 para 10.143 em 2010.

Além do elevado número de mortes, os acidentes do ano passado provocaram o registro de 145 mil feridos em hospitais do sistema público, o que custou R$ 190 milhões ao Estado. O número de hospitalizações em 2010 por acidentes foi 15% maior que em 2009. EFE