No Rio, 400 eleitores terão que votar manualmente

Das quase 650 urnas que apresentaram problemas no Estado do Rio de Janeiro, uma delas não poderá ser trocada e cerca de 400 eleitores terão que votar manualmente

Rio de Janeiro – Das quase 650 urnas que apresentaram problemas no Estado do Rio de Janeiro, uma, em Botafogo, na zona sul da capital fluminense, não poderá ser trocada por problemas técnicos e cerca de 400 eleitores terão que votar manualmente.

O TRE-RJ só saberá se os votos anteriores ao defeito foram perdidos depois das 17h, quando um equipamento eletrônico será instalado para tentar recuperar a memória do computador danificado. No entanto, o presidente do TRE-RJ, Luiz Zveiter, minimizou o problema dizendo que foi a única urna do Rio a apresentar defeito.

De acordo com o balanço do TRE-RJ, 400 pessoas foram detidas fazendo boca de urna, uma foi presa em flagrante com R$ 10 mil, tentando comprar votos em Macaé no norte fluminense. Já entre os presos há quatro candidatos a vereador e um a vice-prefeito.

Um outro candidato conhecido como Léo Comunidade, pego fazendo boca de urna na Favela da Rocinha, conseguiu fugir. Foram presos 40 cabos eleitorais dele. De acordo com o presidente do TRE-RJ, todos os candidatos detidos serão julgados posteriormente.

Apesar das prisões, Luis Zveiter faz uma avaliação positiva sobre a primeira votação dentro da Favela da Rocinha após o processo de pacificação.