No Mato Grosso do Sul, Azambuja e Odilon vão disputar segundo turno

Na contagem para presidente, Jair Bolsonaro lidera no Estado com 55,4%, seguido pelo petista Fernando Haddad, com 23,5%

Com 95% das seções apuradas, o segundo turno para governador no Mato Grosso do Sul será disputado entre Reinaldo Azambuja (PSDB) que estava com 44,6%, e o juiz Odilon (PDT), com 31,7%. O candidato Junior Mochi (MDB) ficou em terceiro lugar, com 11,8%. Na contagem para presidente, Jair Bolsonaro lidera no Estado com 55,4%, seguido pelo petista Fernando Haddad, com 23,5%.