Movimentos fazem protestos contra reformas de Temer nesta sexta

Manifestações estão agendadas em pelo menos 20 estados, em capitais como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Porto Alegre, entre outros

São Paulo — Manifestações contra as reformas da Previdência e trabalhista do governo Michel Temer (PMDB) devem acontecer nesta sexta-feira (31) em ao menos 20 estados do país. Os protestos foram marcados pelas Frentes Brasil Popular, Povo Sem Medo e pela Central Única dos Trabalhadores (CUT), entre outras organizações.

Já estão confirmadas manifestações nas cidades de São Paulo (SP), Rio de Janeiro (RJ), Curitiba (PR), Brasília (DF), Porto Alegre (RS), Belo Horizonte (MG), Salvador (BA), entre outras. (confira abaixo a lista completa).

Segundo a CUT, os atos, chamados de “Dia Nacional de Mobilização”, vão funcionar para organizar os manifestantes para a próxima greve geral, que está marcada para o dia 28 de abril.

A entidade afirmou que algumas categorias farão paralisações amanhã, mas não especificou quais delas. “Paralisações de categorias, manifestações, trancamento de avenidas e rodovias são algumas das ações previstas”, afirmou a CUT em uma nota publicada em seu site. 

A assessoria de imprensa do sindicato dos metroviários de São Paulo informou que a categoria não fará paralisações nesta sexta-feira e que o metrô deve funcionar normalmente na capital paulista. Também disse que representantes do sindicato estarão  presentes no protesto desta sexta em São Paulo, marcado para as 16 horas na Avenida Paulista.

Veja a lista de cidades confirmadas para as manifestações desta sexta-feira:

Maceió – AL – Praça Deodoro, às 9h

Macapá – AP – Praça Veiga Cabral, às 16h

Salvador – BA – Iguatemi – Campo da Pólvora – 7h-9h

Ilhéus – BA – Estádio Mário Pessoa – 15h

Fortaleza – CE – Praça da Bandeira – 15h

Crato – CE – Posto Fiscal Bataleiras – 8h

Brasília – DF – Rodoviária – 16h

Vitória – ES – Rede Gazeta – 18h

Goiânia – GO – Algo – 9h

Belo Horizonte – MG – ALMG – 17h

Juiz de Fora – MG – Praça da Estação – 16h

Ouro Preto – MG – Praça Tiradentes 17h

Cuiabá – MT – Câmara dos Vereadores – 9h

Belém – PA – São Brás-TJE – 8h30

Marabá – PA – UNIFESSPA (Campus II) – 17h

João Pessoa – PB – Lyceu – 15h

Recife – PE – Praça do Diário – 16h

Caruaru – PE – Grande Hotel – 8h

Curitiba – PR – Praça Carlos Gomes – 18h

Londrina – PR – Calçadão – 16h30

Maringá – PR – Terminal Urbano – 18h

Rio de Janeiro – RJ – Candelária – 17h

Nova Friburgo – RJ – Demerval Barbosa – 17h

Natal – RN – Midway – 15h

Boa Vista – RR – Centro Cívico-Fábio Paracat – 16h30

Porto Alegre – RS – Esquina Democrática – 18h

Pelotas – RS –Largo da Alfândega – 17h

Florianópolis – SC – Largo da Alfândega – 17h

Joinville – SC – Praça da Bandeira – 9h

São Paulo – SP – Avenida Paulista/Masp – 16h

Santos – SP – Rua Ana Costa/Fco Glicério – 17h

Palmas – TO – Feira da 204 Sul – 17h