Ministro Lobão deve receber alta na sexta-feira

Ele retoma as funções na próxima semana, possivelmente na quarta-feira (07), já que sua licença de afastamento se encerra dia 06

São Paulo – Internado há 15 dias no Hospital Israelita Albert Einstein, em São Paulo, o ministro de Minas e Energia, Edison Lobão, está bem, recebe alta do hospital na sexta-feira e retorna a Brasília, confirmou à Agência Estado a assessoria de imprensa do ministro. Ele retoma as funções na próxima semana, possivelmente na quarta-feira (07), já que sua licença de afastamento se encerra dia 06.

O tratamento foi necessário, pois o ministro passou por processo de infecção muito grave decorrente de contaminação por uma bactéria que foi combatida com doses maciças de antibiótico. O atual quadro clínico do ministro não é divulgado pelo hospital, que publicou boletim médico mais recente em 25 de outubro. A licença de afastamento de Lobão, inicialmente prevista para terminar no dia 23, foi estendida no dia 25 por despacho presidencial. O ministro foi internado em 18 de outubro.

De acordo com assessores do Ministério, Lobão havia se queixado de gripe forte e febre, quando realizou exames em Brasília e, posteriormente, embarcou para a capital paulista.

A assessoria do hospital disse que informações são divulgadas apenas a pedido do próprio paciente e não há previsão de novos boletins médicos durante o período de internação do ministro.

O ministro interino de Minas e Energia continua sendo Márcio Zimmermann, que tem enfrentado cenário desfavorável no setor por conta do apagão, na madrugada do dia 24, que atingiu as regiões Norte e Nordeste.