Ministério Público Federal no Ceará pede suspensão do Enem

Segundo informações do site G1, prova adiada para 190 mil alunos fere os direitos dos estudantes

São Paulo – o Ministério Público Federal no Ceará pediu a suspensão do Enem. As provas estão marcadas para o próximo fim de semana. As informações são do site G1.

De acordo com a reportagem, o pedido foi feito depois do anúncio de cancelamento da prova para cerca de 190 mil alunos por conta das ocupações em aproximadamente 300 escolas pelo país.

Veja também

Segundo Oscar Costa Filho, procurador da República, uma nova data de provas, com temas diferentes de redação apenas para algumas pessoas fere os direitos dos estudantes.

Ainda de acordo com informações do site, a ação deverá ser julgada pela 8ª Vara da Justiça Federal no Ceará até sexta-feira. Caso a Justiça aceite o pedido de cancelamento, a suspensão do Enem é válida para todo o Brasil.