Médicos podem entrar em greve na segunda

A categoria deve paralisar em oposição ao projeto do programa Mais Médicos aprovado pelo Congresso

São Paulo – A Federação Nacional dos Médicos (Fenam) vai convocar nesta sexta-feira, 04, uma paralisação nacional da categoria para segunda e terça-feira da semana que vem em oposição ao projeto do programa Mais Médicos que foi aprovado na terça-feira, 01, no Congresso.

Para a associação, que representa 53 sindicatos, o texto modificado na Casa prejudica ainda mais os profissionais.

O ponto mais polêmico é o que define que o registro médico seja concedido pelo Ministério da Saúde – e não mais pelos conselhos regionais de medicina, como é hoje.

Outra crítica é à prorrogação do programa, de três para quatro anos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.