Marina: desejo de “passar o país a limpo” não pode ser ignorado

A ex-ministra declarou que os interesses da sociedade devem ser levados em conta pelo plenário da Câmara, que votará amanhã (2) a denúncia contra Temer

São Paulo – A ex-senadora e ex-ministra do Meio Ambiente Marina Silva publicou, em seus perfis nas redes sociais, um vídeo para pressionar os deputados federais a votar, nesta quarta-feira, 2, pelo encaminhamento da denúncia contra o presidente Michel Temer ao Supremo Tribunal Federal.

“Na véspera da votação da Câmara dos Deputados do pedido de autorização do Ministério Público para que o presidente Temer seja julgado pelo Supremo, o desejo da sociedade de passar o Brasil a limpo não pode ser ignorado”, afirma a ex-candidata à Presidência da República nos pleitos de 2014 e 2010.

No vídeo, Marina lembra que o governo Temer tem altos índices de reprovação.

“94% da população brasileira reprova o governo do presidente Temer. É fundamental que a mobilização da sociedade não seja usada como estratégia por grupos que querem retornar ao poder”, argumenta a ex-senadora, que considera “fundamental” o apoio à continuidade da Operação Lava Jato.

Os interesses da sociedade brasileira, diz a fundadora da Rede Sustentabilidade, devem ser levados em conta pelo plenário da Câmara.

“Na votação, vamos acompanhar e pressionar os deputados para que eles votem de acordo com os interesses da sociedade brasileira.”

Marina conclui a mensagem citando o número de votos necessários para que a denúncia seja encaminhada ao STF: “342 agora.”

Veja também