Manifestantes fecham rua na Rocinha após morte de morador

Manifestação provocou o fechamento do comércio da comunidade da Rocinha, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, e a obstrução de uma rua

Rio de Janeiro – Uma manifestação na manhã de hoje (31) provocou o fechamento do comércio da comunidade da Rocinha, na zona sul da cidade do Rio de Janeiro, e a obstrução de uma rua que corta a favela.

Os manifestantes protestaram contra a morte de um homem na madrugada de hoje, durante operação do Batalhão de Choque na comunidade.

Apesar de a comunidade estar ocupada por uma Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) desde setembro de 2012, policiais do Batalhão de Choque têm feito operações rotineiras na favela, que ainda conta com a presença de criminosos armados.

De acordo com a Polícia Militar, na madrugada de hoje, policiais revistavam homens suspeitos quando criminosos atiraram contra eles.

Durante a perseguição, os policiais dizem ter encontrado um homem caído em um beco próximo.

Ele chegou a ser socorrido e levado para o Hospital Miguel Couto.

O caso está sendo investigado pela Divisão de Homicídios, que recolheu as armas dos policiais envolvidos na operação.