Lula só vai decidir amanhã se vai se entregar, diz Lindbergh

Petista acredita que ex-presidente não deveria se apresentar à Polícia Federal na tarde desta sexta (6)

O senador Lindbergh Farias (PT-RJ) afirmou na noite desta quinta-feira, 5, que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva ainda não decidiu se vai se entregar ou não. “Vai decidir só amanhã”, disse o parlamentar, que está na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, onde ocorre manifestação de apoio ao ex-presidente.

Na opinião do senador fluminense, Lula não deveria se entregar. “Entregar-se é admitir culpa, e não é o caso. Eles têm de prender o Lula aqui, no meio desse mar de gente, numa violência, com repercussão internacional”, afirmou.

Lula também está no sindicato. Ele chegou por volta das 19h20. Segundo a assessoria de imprensa do ex-presidente, ainda não há uma confirmação sobre se ele vai ou não fazer um discurso às pessoas que participam da manifestação ou se vai ou não dar entrevista aos jornalistas.