Lula: povo se preocupa mais com futebol do que com mensalão

Segundo Lula, nem ele nem o povo brasileiro estão preocupados com o Mensalão, mas com as eleições em SP e com a possibilidade do Palmeiras cair para a 2ª divisão

São Paulo – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva minimizou neste domingo a importância do escândalo do mensalão, revelado em 2005 durante seu governo, e que está sendo julgado no Supremo Tribunal Federal (STF).

Lula disse que nem ele nem o povo brasileiro estão preocupados pelo julgamento, mas sim pelo resultado das eleições em São Paulo e pela possibilidade do Palmeiras cair para a segunda divisão.

‘O povo não está preocupado com isso (o julgamento do mensalão). Está preocupado se o Palmeiras vai cair para a segunda divisão ou se o Fernando Haddad (candidato petista à prefeitura de São Paulo) vai ganhar’, disse Lula.

O ex-presidente fez a declaração ao sair de um café da manhã com Haddad e antes de ir para São Bernardo do Campo, onde votará.

Até agora, Lula tinha evitado se pronunciar sobre o julgamento do mensalão, no qual participam como réus o chefe da Casa Civil durante seu governo, José Dirceu, o ex-presidente do PT José Genoino e o antigo tesoureiro do partido Delúbio Soares.

Dos 37 acusados do caso, 22 já foram declarados culpados e o STF decide na semana que vem se a cúpula do PT foi responsável pela rede de corrupção, montada para subornar parlamentares e conseguir apoio ao governo.

Até agora, três dos dez juízes do Supremo votaram pela condenação de Dirceu, Genoino e Delúbio Soares, embora o ministro revisor tenha inocentado os dois primeiros.

Os seis juízes que ainda não se pronunciaram nesta fase do processo, limitada às acusações de corrupção ativa, farão isso numa audiência marcada para esta terça-feira. EFE