Justiça tira a carteira de motorista de Thor Batista de novo

Os desembargadores entenderam que a habilitação deveria permanecer suspensa para a manutenção da ordem pública

Rio – Por dois votos a um, a 5.ª Câmara Criminal negou a liberação da Carteira Nacional de Habilitação de Thor Batista, filho do empresário Eike Batista. O rapaz perdeu o direito de dirigir depois de atropelar e matar o ciclista Wanderson Pereira Santos, em março.

Os desembargadores entenderam que a habilitação deveria permanecer suspensa para a manutenção da ordem pública.

Thor, que teve 11 infrações de trânsito entre 2010 e 2011, havia voltado a dirigir por conta de um mandado de segurança. Com a nova decisão da Justiça, o rapaz terá de devolver a habilitação ao Detran.