Infraero habilita empresas para obras de Confins, em BH

As licitações para as obras do aeroporto mineiro foram abertas na última terça-feira

Brasília – A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) divulgou hoje (19) no Diário Oficial da União o resultado da habilitação dos consórcios e empresas concorrentes que participarão de licitação para a contratação das obras de reforma e modernização do Aeroporto Internacional de Confins, em Belo Horizonte.

As licitações para as obras do aeroporto mineiro e para a atualização e complementação dos projetos básico e executivo para a construção do novo terminal de passageiros do Aeroporto de Goiânia foram abertas na última terça-feira (17).

Em Confins, oito concorrentes, entre consórcios e empresas, apresentaram os documentos de habilitação e as propostas de preços para executar o empreendimento. Sete foram habilitadas.

A Infraero prevê que as obras em Confins comecem ainda no segundo semestre deste ano. Segundo a empresa, as obras estão estimadas em R$ 237,8 milhões. Os serviços vão aumentar a área do terminal de passageiros de 60,3 mil metros quadrados para 67,6 mil metros quadrados. O prazo para execução da obra é de aproximadamente 28 meses.

A abertura da licitação para as obras no Aeroporto de Goiânia, estimada em R$ 4,07 milhões, teve a presença de quatro empresas e um consórcio, que apresentaram os documentos de habilitação técnica e a propostas de preços para executar os trabalhos.

De acordo com a Infraero, a análise das habilitações técnicas e financeiras já foi iniciada e deve ser concluída ainda esta semana. A execução dos serviços começará após a assinatura do contrato e emissão da ordem de serviço. A partir dessa etapa, o vencedor terá cerca de 16 meses para entregar o novo projeto.