IML identifica 7 corpos de vítimas de acidente em Recife

Outros nove aguardam confirmação de identidade por meio de identificação de digitais e exame da arcada dentária

São Paulo – Sete corpos das 16 vítimas do acidente com um bimotor da companhia aérea Noar, em Pernambuco, foram identificados nesta quinta-feira. A informação foi confirmada pela diretora do Instituto de Medicina Legal (IML) do Recife, Joyse Breenzinckr. Pela manhã, foram reconhecidos os corpos do piloto e do copiloto da aeronave. As outras cinco vítimas foram identificadas durante a tarde. Outros nove aguardam confirmação de identidade por meio de identificação de digitais e exame da arcada dentária.

Ivanildo Martins dos Santos Filho, 46 anos, Marcelo Albuquerque Carneiro Campelo, 66, Natã Braga da Silva, 39, Maria da Conceição Oliveira, 46, e Antônia Fernanda Jalles são as vítimas já examinadas pelo IML. Todos eram passageiros da aeronave, que seguia na quarta-feira do Recife para Mossoró, no Rio Grande do Norte, quando caiu em um terreno baldio do bairro de Boa Viagem. A queda, seguida de explosão, ocorreu às 6h55, três minutos após a decolagem do Aeroporto Internacional do Recife.

Os sepultamentos começam nessa sexta-feira. O velório do copiloto Roberto Gonçalves, 55, ocorre a partir das 9 horas no Cemitério Morada da Paz, em Paulista, município da Região Metropolitana do Recife. No mesmo local, às 11 horas, será velado Marcelo Campelo, engenheiro da empresa Marca Engenharia.