Haverá muita luta se STJ rejeitar recurso de Lula, diz defesa

O STJ analisa nesta terça o pedido do ex-presidente para impedir a execução da sentença após esgotarem os recursos no Tribunal Regional Federal da 4º Região

Brasília – O ex-ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Sepúlveda Pertence, advogado do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, considera que ainda terá “muita luta pela frente” caso o Superior Tribunal de Justiça (STJ) rejeite, nesta terça-feira, 6, o habeas corpus apresentado pela defesa.

O STJ analisa nesta terça o pedido do ex-presidente para impedir a execução da sentença após esgotarem os recursos no Tribunal Regional Federal da 4º Região (TRF-4), que condenou Lula a 12 anos e um mês de prisão no âmbito da Operação Lava Jato.

Segundo Pertence, se a decisão do STJ for contrária ao ex-presidente, a defesa deve apresentar recurso ao STF. Os advogados de Lula também tentarão evitar a prisão por meio de novos recursos no Tribunal Regional Federal da 4ª Região, que condenou o ex-presidente.

Com um hematoma no olho, Pertence disse que levou “muita surra da imprensa” ao ser questionado por jornalistas sobre o motivo da lesão.