Greve deixa 2,3 milhões sem ônibus em Curitiba

A paralisação atinge 100% da frota da cidade

São Paulo – Motoristas e cobradores de ônibus de Curitiba entraram em greve nesta quarta-feira, 26. Segundo a prefeitura da cidade, a greve, iniciada à zero hora atingiu 100% da frota operante, que é de 1940 ônibus.

Por dia, são 21 mil viagens e 2,3 milhões de passageiros transportados pela Rede Integrada de Transporte de Curitiba que atende também 13 municípios da região metropolitana.

A Urbanização de Curitiba (Urbs) está cadastrando carros particulares para atuar com transporte alternativo durante a greve rodoviários. O cadastramento foi iniciado às 6 horas da manhã, quando terias e confirmado o descumprimento de ordem judicial que determina a operação de frota mínima durante a greve.

A categoria reivindica reajuste salarial e melhores condições de trabalho.