Governo reitera liberação de seguro-defeso a pescadores por Brumadinho

Portaria será publicada amanhã ampliando número de agricultores familiares que vendem produtos ao Programa de Aquisição de Alimentos

São Paulo – O governo federal reforçou, nesta quarta-feira, 30, que vai liberar o seguro-defeso para os pescadores da região atingidos pelo rompimento de uma barragem em Brumadinho (MG). Além disso, uma portaria será publicada amanhã ampliando o número de agricultores familiares que vendem seus produtos ao Programa de Aquisição de Alimentos – destinado a comprar alimentos produzidos pela agricultura familiar, com dispensa de licitação, para serviços atendidos pelo governo.

Atualmente, 43 agricultores em Brumadinho fazem parte do programa. Ao citar a medida, o porta-voz da Presidência da República, Otávio do Rêgo Barros, não citou a extensão da ampliação. De acordo com o governo, serão disponibilizados mais R$ 300 mil para a execução do programa no município mineiro, além dos R$ 120 mil que já fazem parte do repasse normal.