Força Sindical fará protesto na 3ª em frente ao BC em SP

A entidade fará protesto a partir das 10 horas em frente ao prédio, na Avenida Paulista, contra "o desemprego, os juros altos e pelo desenvolvimento"

São Paulo – A Força Sindical fará um protesto nesta terça-feira, 2, a partir das 10 horas, em frente ao prédio do Banco Central na Avenida Paulista, em São Paulo.

A entidade, que não participou dos atos organizados pela Central Única dos Trabalhadores (CUT) e outras sindicais na sexta-feira, 29, diz que a manifestação é “contra o desemprego, os juros altos e pelo desenvolvimento”.

Segundo o presidente da Força, Miguel Torres, a expectativa é de que ao menos 5 mil trabalhadores da entidade participem do ato.

Torres afirmou ainda que convidou as demais centrais e algumas confirmaram a participação. “Até a CUT falou que vai, só não sei com que peso”, afirmou.

Torres disse que estão previstos atos também em Brasília e Salvador.

As manifestações devem ser pela manhã, mas segundo o sindicalista, por causa da realização da primeira parte da reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), que acontece noite em Brasília, pode ser que os trabalhadores alterem o horário do protesto no Distrito Federal.

“Orientamos que todos também façam na parte da manhã, mas lá em Brasília pode ser que isso mude”, disse o presidente da Força, que participará do ato na capital paulista.