“Eu sou um profeta do caos”, diz Delcídio à Folha

O senador também disse que o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, é amigo da onça. Veja.

São Paulo – “Eu não sou vilão. Eu não sou bandido. Eu sou um profeta do caos”, afirmou o senador Delcídio do Amaral em entrevista ao jornal Folha de S. Paulo.

Em referência ao longa “Batman, o Cavaleiro das Trevas”, o senador fez alusão ao diálogo do personagem Coringa, que diz: “Introduza um pouco de anarquia. Perturbe a ordem estabelecida e você cria o caos. Eu sou o agente do caos”.

Na entrevista, o ex-petista também lembrou que o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, tentou evitar sua delação e que não teria oferecido ajuda por amizade.

“Amigo? Ele é amigo da onça! Onde ele era meu amigo? Minha história toda no Senado é de briga com ele. Todo mundo sabe disso”, afirma.

Segundo a publicação, a ajuda ofertada pelo ministro para que o senador não fizesse a delação é a prova de que o governo tentou interferir nas investigações da Operação Lava Jato

O ministro foi gravado pelo assessor de Delcídio, Eduardo Margazão, em iniciativa de dar apoio ao ex-colega de bancada no Senado. 

“Eu acho que ele [Delcídio] devia esperar, não fazer nenhum movimento precipitado, ele já fez um movimento errado, deixar baixar a poeira, ele vai sair, a confusão é muito grande”, diz o ministro da Educação em uma das gravações.

“Pô, Marzagão, você tem que dizer no que é que eu possa ajudar. Eu só to aqui pra ajudar. Veja o que que eu posso ajudar”. 

Veja os diálogos completos.