Em novo vídeo no Twitter, Temer critica Doria: “Desacelera”

Presidente critica tentativa do candidato ao governo de São Paulo de se desvincular da sua gestão

São Paulo – O presidente Michel Temer publicou mais um vídeo no Twitter nesta quarta-feira (19).

Desta vez, o alvo foi João Doria, candidato ao governo do estado de São Paulo pelo PSDB.

“Você tem usado a propaganda eleitoral, as inserções, para fazer críticas diretas ou indiretas ao meu governo. Ou seja, você está se desmentindo, porque ao longo do tempo você inúmeras vezes elogiou o meu governo”, diz o presidente.

De acordo com o último Datafolha, Doria está empatado no primeiro lugar da corrida pelo governo de São Paulo com Paulo Skaf, candidato do MDB, o partido do presidente.

A campanha de Doria vem tentando vincular a figura de Skaf com a de Temer, que tem apenas 4% de aprovação nacional.

No vídeo de hoje, Temer nota que Doria pediu (e recebeu) “muito auxílio” do governo federal durante seu “brevíssimo” tempo na prefeitura de São Paulo.

O presidente ainda diz querer lembrar que as “pessoas e partidos” da base de Doria em São Paulo apoiam o seu governo.

“Você muitas vezes tenta, digamos, dissociar a figura do presidente da República da figura dos partidos que o apoiam, mas eles estão no meu governo e estão apoiando precisamente a você”, diz Temer.

Ele diz que não é por causa das eleições que Doria deveria “mudar suas características”, e sugere que isso possa ter acontecido por aconselhamento de marqueteiros:

“Eles estão equivocados porque ferem os critérios morais que devem pautas a sua conduta e de todos os candidatos”.

Não é a primeira vez que Temer ataca os tucanos por tentarem se distanciar publicamente do seu governo  impopular.

No começo do mês, o candidato à Presidência pelo PSDB, Geraldo Alckmin, foi o alvo; em dois vídeos, Temer pedia para que o candidato “conte a verdade” sobre o vínculo com seu governo.

Veja o vídeo de hoje com críticas a Doria: