Em Minas, melhor da rede pública tem vestibulinho’

Coluni foi a escola pública mais bem classificada de todo o País entre as instituições que participaram do Enem

Viçosa – Pelo quinto ano consecutivo, o Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Viçosa (UFV-MG), o Coluni, foi a escola pública mais bem classificada de todo o País entre as instituições que participaram do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) em 2012.

A diretora em exercício da escola, Renata Pires Gonçalves, diz que o foco não é o Enem, mas sim a qualidade do ensino. “O Enem é uma consequência”, declara. O colégio obteve média de 706,22, considerando as quatro provas objetivas.

Para estudar na instituição, o aluno enfrenta um “vestibulinho”, com uma média de 12 candidatos por vaga. Quem entra, encontra cobrança. “É preciso estudar muito para acompanhar o ritmo”, conta Ana Carolina Rezende, de 15 anos, do 1º ano do ensino médio.

Quase todos os professores da escola têm dedicação exclusiva e contam com plano de carreira. Também pesa a favor a carga horária mais elevada. Enquanto o Ministério da Educação exige 800 horas/aula ao ano, no Coluni são mais de mil.

O colégio, que fica no câmpus da Universidade Federal de Viçosa, oferece apenas o ensino médio e tem cerca de 500 matriculados. Levantamento da instituição aponta que 85% dos alunos ingressam na faculdade no primeiro vestibular que prestam.