Dilma vota em Porto Alegre junto com governador Tarso Genro

Dilma não participou da campanha em Porto Alegre já que os três principais candidatos fazem parte da coalizão de seu governo

Rio de Janeiro – A presidente do Brasil, Dilma Rousseff, votou neste domingo nas eleições municipais em Porto Alegre, cidade onde iniciou sua carreira política.

Dilma votou às 9h32 na zona eleitoral localizada na escola estadual Santos Dumont. A governante posou para as câmaras, apertou as mãos dos mesários e do governador do Rio Grande do Sul, o petista Tarso Genro, que vota na mesma zona que ela, e saudou os muitos jornalistas que estavam no local.

O favorito a ganhar as eleições em Porto Alegre é o atual prefeito, José Fortunati, do Partido Democrático Trabalhista (PDT), um aliado do governo federal e que segundo as pesquisas irá vencer no primeiro turno.

O candidato do PT, Adão Villaverde, está em terceiro lugar nas enquetes, com cerca de 11% das intenções de voto, o que significaria o pior resultado do partido em Porto Alegre desde sua fundação, no início dos anos 80.

O PT governou a capital do Rio Grande do Sul por dezesseis anos consecutivos, até 2004, e depois perdeu duas eleições seguidas, embora tenha disputado o segundo turno nestas duas ocasiões.

Dilma não participou da campanha em Porto Alegre já que os três principais candidatos, os dois mencionados e Manuela D’Ávila, do Partido Comunista do Brasil (PCdoB), fazem parte da coalizão de seu governo. EFE