Dilma ultrapassa Marina em Pernambuco

O Estado é a terra do ex-governador Eduardo Campos, que morreu em agosto em um acidente aéreo e foi substituído pela ex-ministra

São Paulo – A presidente Dilma Rousseff (PT) ultrapassou Marina Silva (PSB) em Pernambuco, terra do ex-governador Eduardo Campos, que morreu em agosto em um acidente aéreo. Ele era o cabeça da chapa presidencial do PSB e foi substituído por Marina.

Em uma semana, segundo o Ibope, a candidata do PT cresceu quatro pontos porcentuais e chegou a 43% das intenções de voto, enquanto sua principal adversária passou de 39% para 36%. Aécio Neves (PSDB) tem 4%, a mesma taxa do levantamento anterior. Até ontem, Pernambuco era o único Estado da Região Nordeste onde Dilma não liderava de forma isolada.

A pesquisa, feita entre os dias 28 e 30 de setembro, tem margem de erro de dois pontos porcentuais e foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral sob o protocolo BR-00916/2014.

O Ibope também divulgou nesta quarta-feira, 1º, dados sobre a corrida presidencial em Goiás. No Estado, os três principais candidatos tiveram oscilação positiva. Em relação ao levantamento da semana passada, Dilma passou de 35% para 37%, Marina oscilou de 28% para 29% e Aécio variou de 18% para 19%.

Em Goiás, o instituto ouviu 812 pessoas entre os dias 28 e 30 de setembro. A margem de erro é de três pontos porcentuais para mais ou para menos. O registro da pesquisa na Justiça Eleitoral foi feito sob o protocolo BR-00925/2014. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.