Dilma nomeia José de Queiroz como diretor-presidente da Anac

O mandato de Queiroz tem duração até 19 de março de 2020, de acordo com decreto publicado nesta quarta-feira no Diário Oficial da União

São Paulo – A presidente Dilma Rousseff nomeou como diretor-presidente da Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) José Botelho de Queiroz, que já ocupava interinamente a chefia da agência.

O mandato de Queiroz tem duração até 19 de março de 2020, de acordo com decreto publicado nesta quarta-feira no Diário Oficial da União.

Queiroz é diretor da Anac desde setembro de 2015, tendo assumido interinamente a presidência da agência em março deste ano, com o término do mandato do diretor-presidente anterior, Marcelo Guaranys.

Antes de se tornar diretor da Anac, Queiroz atuou como assessor do ministro do Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República e foi chefe de gabinete e coordenador-geral de Polícia Criminal Internacional.

Também trabalhou em regras contra atos de interferência ilícita em prol da aviação civil.

A nomeação de Queiroz como diretor-presidente da Anac ocorre após a posse na terça-feira dos três novos diretores da agência: Juliano Nonam, Hélio de Barros Júnior e Ricardo Bezerra.

Com isso, a Anac voltou a ter quórum completo para realizar reuniões deliberativas de diretoria.

A agência estava com apenas dois diretores desde que expiraram os mandatos de Guaranys e de Cláudio Passos Simão, em 19 de março.